PUBLICIDADE
30 mar 2020, 18h06

O Rádio segue disparado do consumo de áudio no Reino Unido

O rádio segue disparado na liderança de consumo de áudio no Reino Unido. É o que aponta a atualização recente dos dados levantados, em 2019, pela Rajar, renomado instituto de pesquisa europeu.

 

Segundo a pesquisa, o veículo chega a ter 88% de alcance semanal por lá, o que representa 72% de todo o consumo de áudio. No entanto, há um recorte que mostra a variação desse alcance conforme a faixa etária, sendo a mais alta entre o público adulto (25-34 anos). O volume menor fica entre os jovens (15-24 anos), mas a liderança é mantida.

 

Outro ponto que enaltece o rádio é o alto consumo em dispositivos que ainda são considerados como novidades tecnológicas. É o caso das smart Speakers (caixas de som inteligentes). No Reino Unido, 67% das pessoas usam os dispositivos para ouvir conteúdo de rádio ao vivo, acesso feito por streaming, contra 30% da música on-demand (também via streaming) e apenas 1% de podcasts e audiobooks.

 

Além da forte liderança no consumo de áudio, o rádio tem mantido alguns comportamentos importantes por parte de sua audiência na rotina do consumo do veículo. Por exemplo: a maioria do público pesquisado (79%) considera o rádio importante para encontrar novos conteúdos. E 26% afirma que a maior parte do consumo de rádio ocorre enquanto dirige ou viaja.